«há música, poesia, força e sentimento na tua prosa»



«é como se ao fim de algum tempo, e para sobreviver, a decadência se transformasse num resto de beleza.»


Paulo Nozolino


Daqui: Público